Os Insetos da Horta

Escola Secundária Dr. Júlio Martins - Agrupamento de Escolas Dr. Júlio Martins (Chaves)

Desafio: "Os Insetos da Horta"

Registo Fotográfico:

Insetos Benéficos/Auxiliares:

Espécie 1:
As abelhas são insetos voadores com um papel importante no processo de polinização, sendo indispensáveis para o crescimento e propagação das plantas. Contribuem para o aumento da produtividade e melhoram a formação de frutos, como é o caso dos morangos.
A forma de manter ou atrair uma abelha para o jardim é plantar flores silvestres.

Espécie 2:
As Joaninhas são insaciáveis no combate aos pulgões que atacam a seiva das plantas. A joaninha também é eficiente a combater os ácaros, moscas da fruta, piolhos da folha e lagartas pequenas. podem ser consideradas um inseticida natural, evitando assim a necessidade de venenos.
a forma de atrair ou manter a joaninha na horta ou no jardim é plantar flores planas em forma de funil de cor branca ou amarela, como por exemplo as cenouras, os coentros, dente-de-leão, entre outras.

Espécie 3:
As aranhas são indicadoras de que a nossa horta ou jardim está saudável e livre de inseticidas, pesticidas e outros produtos tóxicos.
Com as suas teias, as aranhas capturam e devoram vários insetos, impedindo a sua proliferação, contribuindo para o equilíbrio do ecossistema da horta.
A melhor forma de atrair e manter uma aranha é não a matar e, também manter o ambiente seco.

Insetos Prejudiciais:

Espécie 1:
As lagartas são animais prejudiciais que podem destruir a nossa horta. Elas alimentam-se de folhas de plantas e podem constituir uma praga nas culturas e jardins.
A lagarta devora as hortaliças até ao talo, deixando na horta um rasto de destruição.
Podem ainda desenvolver-se dentro dos frutos em maturação.
A melhor forma de as combater é fazer uma colheita delas e dar às galinhas, outra forma de as afastar é colocar no jardim ou horta cascas de ovo, elas funcionam como espantalho.

Espécie 2:
O caracol é um molúsculo terrestre de corpo mole e mucoso que raspam nas folhas, nas flores e raízes das hortaliças.
Comem verduras como alfaces, couves e frutos carnosos, como melancia e a maçã.
São animais de hábitos noturnos e vorazes.
A forma de combater este molúsculo é alimentar a presença de predadores naturais e, também podemos plantar algumas plantas predadoras naturais, tais como alecrim ou lavanda.

Espécie 3:
O pulgão é outro inseto prejudicial das hortas e jardins, eles sugam a seiva das plantas roubando a água e os nutrientes destas, deixando-as muito fracas.
Outro problema que este inseto causa é o melaço que é segregado para subornar as formigas, e este é caldo de cultivo de vários fungos e bactérias. Este caldo pode trazer graves problemas podendo até matar a planta.
Uma forma de eliminar o pulgão é fazer uma rega adequada, ou o uso de adubo orgânico sólido de libertação lenta tendo em conta o calendário de cultivo.

Memória descritiva:
O aluno fez uma pesquisa com a família, com recurso ao telemóvel e, fez a observação direta dos insetos na sua pequena horta e jardim. Devido à situação vivida, o seu trabalho foi manuscrito, assim como os desenhos, muito bem desenhados e pintados, ainda que em folhas pautadas. Este trabalho demonstra cuidado, preocupação e empenho do aluno e família, no desenvolvimento do desfio que escolheram.
O trabalho é do Martim António Morais Machado, 2º ano, Turma D e, Delegado Eco-Escola da turma.