As Nossas Hortas Bio

Escola EB 2,3 Cardoso Lopes (Amadora)

A Nossa Horta Bio

Horta grande (superior a 50m²)

horta em janeiro

horta em março

horta em maio

saber mais sobre a nossa horta bio

desenho/croqui da horta

questionário

1. Há quanto tempo existe uma horta na escola?

Há 3 anos - considerando o tempo em que existe um trabalho organizado, sistemático e de grande impacto na comunidade educativa

2. Área aproximada da horta (m²):

400 m2

3. Quem trata da horta?

3.1. N.º de professores envolvidos:

15

3.2. Disciplinas que mais participam na dinâmica da horta:

Matemática, Ciências Naturais e Cidadania e Desenvolvimento,

3.3. N.º de alunos envolvidos:

200

3.4. N.º de funcionários da Escola envolvidos:

5

4. As famílias são envolvidas?

4.1. Como e com que frequência?

As famílias contribuem com o fornecimento de resíduos vegetais para colocar no compostor e participam na aquisição da produção.
Releve-se igualmente a importância das famílias na concertação de estratégias relacionadas com a regulação de comportamentos (Gabinete de Supervisão Comportamental). O desenvolvimento de atividades na Horta, devidamente planificadas e ajustadas às circunstâncias, exercem, em determinados casos, uma ação positiva em processos de socialização mais problemáticos.

5. Apresentar exemplos do impacto da horta na comunidade e nos alunos:

Na Horta foi criada uma área equipada com mesas corridas e bancadas, com o objetivo de funcionar como um espaço pedagógico/didático. Ali são desenvolvidas diversas atividades como: a lecionação de conteúdos curriculares de diferentes disciplinas; sessões de leitura; concretização de projetos implementados na Escola, entre outras.
Funciona igualmente como um meio para sensibilizar e incentivar o consumo de produtos hortícolas biológicos. Fazendo um paralelo com a realidade dominante, os alunos são confrontados com as consequências da ação humana desmesurada em termos de poluição e consequente consumo de alimentos contaminados com as mais variadas substâncias poluentes. Funciona, também, como uma ferramenta extracurricular, numa perspetiva de clube, onde os discentes se podem envolver em atividades práticas voluntariamente, após o cumprimento do horário letivo. É um local onde se podem divertir, de modo a libertarem-se do peso académico de atividades mais formais

6. Como é organizada a manutenção da horta e a repartição de tarefas?

Na horta os alunos participam em todas as atividades, especialmente: na instalação de culturas, através de sementes ou de plantas; monda; na colheita de produtos hortícolas; na rega; na sacha; na fertilização; na recolha de pedras; na venda de produtos hortícolas, etc..
As tarefas são repartidas tendo em consideração as circunstâncias. Em situação programada os alunos deslocam-se para o espaço já com as tarefas definidas. Caso seja numa outra situação, como por exemplo de tempo livre por ausência do professor, a distribuição dos trabalhos é feita pelo coordenador ou pelo adulto presente, de forma informal e adaptada à motivação dos alunos.

7. Como é feita a preparação do solo?

O solo é: lavrado; arado; fertilizado com o composto resultante da decomposição de resíduos vegetais. Todos os anos é feita a rotação de culturas.
A limpeza é efetuada manualmente, recorrendo à monda de ervas daninhas e remoção de pedras.

8. É feita compostagem?

8.1. Se sim, como e com que materiais?

A compostagem é feita com resíduos vegetais, cascas de ovos, borras de cafés... recolhidos na cantina e no bar da Escola, a que se juntam os resíduos transportados para a Escola por elementos da Comunidade Educativa, (Professores, Assistentes Operacionais, Encarregados de Educação ...). Também se aproveitam, para o efeito, as ervas daninhas, obtidas através da monda da Horta.

9. Quais as culturas / consociações instaladas?

Culturas permanentes: malagueta; morangueiro; pera-melão; 1 limoeiro; 1 ameixoeira; 1 pereira; 1 pessegueiro; 1 diospireiro; 1 laranjeira, 1 tangerineira; 1 macieira; uma ginjeira; 2 lúcia-lima; hortelã pimenta; hortelã comum; hortelã chocolate; aloé-vera; chá príncipe; 3 trepadeiras; roseiras, sardinheiras; jarros; catos, lírios; malvas, hortênsias...
Durante o outono e inverno foram instalados(as): bróculos; couve-flor; favas; alho francês e coentros.
Atualmente, encontram-se na Horta: cebolas; tomates coração; tomates pretos; tomates redondos; curgetes; abóboras; feijão-verde; ervilhas e pepinos.

11. É feita recolha da água da chuva?

11.1. Como é feita a gestão da rega?

A rega é automática. É complementada com água da chuva que vai sendo recolhida e armazenada em bidão próprio, com capacidade de 100 L.

12. Monitorização de pragas e doenças:

12.1. É feita monitorização de pragas e doenças? Como e com que frequência?

Sim. Todos os dias é feita observação direta.

12.2. Houve ataques de pragas e/ou doenças?

12.3. Se sim, quais e como foram combatidas?

As pragas foram combatidas de diversas formas: com solução de água e sabão; recorrendo à maceração de urtigas; manualmente; cinza resultante da queima caseira de madeira na lareiras.

13. Existem animais de criação ligados à horta?

13.1. Se sim, que espécies?

Porco vietnamita; coelhos; cabra-anã; galinhas, galos, patos, gansos, caturras, rosicollis; faisão dourado; garnisés irlandeses, rolas; piriquitos.

14. Assinale outras atividades que se realizam em torno da horta:

Feira na escola
Feira na comunidade
Confecção de sopas e outros pratos
Concursos
Aulas na horta
Outra

Outra, qual?

Os produtos são colocados em expositor próprio e vendidos, na Escola, à Comunidade Educativa

14.1. Das que assinalou, descreva até três que considera mais significativas, referindo para cada uma o número de vezes que se realizou durante o ano, número de pessoas envolvidas, tipo de participação dos alunos, impacto na comunidade e outros aspetos relevantes:

Atividade 1:

Descrição:

Aulas na Horta, abertas a todas as disciplinas e apoios educativos.Estiveram envolvidos nesta dinâmica cerca de 400 alunos do 2.º e 3º ciclos e 90 alunos dos 2.º e 1.º anos.
A mudança de espaço de lecionação só por si é já uma mais valia a que se alia as características do ambiente criado na Horta. Esta conjugação de fatores leva a que os alunos se sintam mais motivados e invariavelmente solicitem este género de aulas.

Fotografias:

Atividade 2:

Descrição:

Neste espaço confecionaram-se sopas e outros pratos. Muitos dos episódios do projeto "Pela Escola...com Tachos e Livros" decorrem no espaço da Horta.. Este projeto baseia-se na confecção de alimentos saudáveis e na leitura de excertos de obras literárias ou científicas. Os intervenientes são os alunos e cada episódio é filmado e publicado. É um projeto que decorre da articulação da Biblioteca Escolar, com a Ludoteca e a disciplina de Cidadania e Desenvolvimento. No entanto, múltiplos professores solicitam frequentemente a sua intervenção nesta atividade.
É um projeto destinado a todas as turmas dos 2.º e 3.º ciclos (aproximadamente 400 alunos), mas também tem envolvido turmas convidadas do 1º Ciclo.

Fotografias:

Atividade 3:

Descrição:

Outra atividade digna de registo é a venda de produtos hortícolas à Comunidade Educativa. Existe na entrada do Pavilhão D da Escola ( que acolhe o PBX, os Serviços Administrativos, os Serviços de Psicologia e Assistência social, a Direção da Escola , a Sala de Professores, a Biblioteca Escolar e salas de aula) um expositor identificado com a frase "Quem Ama Cuida" onde são colocados os produtos colhidos diariamente na Horta. Estes são vendidos aos interessados através de um serviço de venda organizado que envolve o apoio de uma Auxiliar de Ação Educativa de serviço no PBX. Note-se que mesmo os utentes dos Serviços Administrativos (familiares dos alunos) adquirem frequentemente os produtos à venda.

Fotografias:

15. Outros aspetos de realce da horta:

A Horta constitui um espaço que causa sempre grande admiração a todos os visitantes da Escola. Frequentemente são recebidas entidades exteriores à Escola, como entidades oficiais, representantes de organismos com os quais existem parcerias, escritores, cientistas, assim como familiares dos discentes ( entre outros) e que acabam por visitar a Horta, por iniciativa própria ou como convidados. Constata-se que este espaço causa um grande impacto e suscita sempre comentários positivos. Estes momentos provocam nos envolvidos no projeto agrado e motivação, para além de despertar um olhar diferente do rotineiro e a consciência da importância da existência da Horta.
Sublinhe-se que se trata de um espaço onde se conjugam plantas hortícolas e plantas de jardim. A cor da fruta, a cor das flores conjugadas com os diversos verdes são elementos criadores de ambientes propícios para acontecerem inúmeras atividades que humanizam a Escola.

15.1. Link para a página da horta:

https://cardosolopes.net/site/noticias-e-atividades