As Nossas Hortas Bio

Escola EB 2,3 Dr. Horácio Bento de Gouveia (Funchal)

A Nossa Horta Bio

Horta grande (superior a 50m²)

horta em janeiro

horta em março

horta em maio

saber mais sobre a nossa horta bio

questionário

1. Há quanto tempo existe uma horta na escola?

7

2. Área aproximada da horta (m²):

100

3. Quem trata da horta?

3.1. N.º de professores envolvidos:

4

3.2. Disciplinas que mais participam na dinâmica da horta:

Ciências da Natureza, Física e Química e Educação Visual

3.3. N.º de alunos envolvidos:

30

3.4. N.º de funcionários da Escola envolvidos:

1

4. As famílias são envolvidas?

4.1. Como e com que frequência?

Colaboram na cedência de sementes e plantas para a bio-horta. No ínicio de cada período é pedida a colaboração aos encarregados de Educação.

5. Apresentar exemplos do impacto da horta na comunidade e nos alunos:

Incentiva para a agricultura biológica. Os alunos contactam diretamente com as plantas e a terra. Motiva para a produção de produtos biológicos. Conhecem ervas e plantas aromáticas. Utiliza materiais totalmente recicláveis que são fornecidos pela comunidade escolar. Mobiliza toda a comunidade educativa na participação e manutenção da horta.Já existe um segundo espaço para a bio-horta onde os alunos da Unidade Especializada dinamizam as suas atividades. A expansão da bio-horta é visível desde a sua criação, temos desde: uma casa de madeira, um percurso sensorial, muros de pedra, varandas de urze, espantalho, casa de pássaros, delimitamos uma parte do terreno com garrafões de água, fizemos percursos utilizando vários materiais, Construímos 2 "baloiços aromáticos" utilizando jantes de bicicleta e latas de feijão. Temos vários estilos de vasos, desde tambores de máquinas de lavar roupa, latas, garrafas, pneus, garrafões, canteiros de paletes, etc. Na zona onde está inserida a casa da bio-horta temos mesas e bancos de paletes e troncos de árvores, denominamos esta zona de "Parque de Merendas". De salientar que alguns professores usam esta zona como sala de aula exterior. Temos outra zona de lazer junto à bio-horta onde reutilizamos os tambores das máquinas de lavar para servir de bancos e as bobinas dos fios da luz que servem de mesa. Este espaço tem sido muito apreciado pelos alunos. A plantação de uma leguminosa, chícharo, contribui para voltar a antigas tradições regionais e a partir desta é elaborada uma sopa que é muito apreciada pela comunidade escolar (Feita na altura das reuniões que antecedem a Páscoa).
Os produtos da bio-horta são vendidos à comunidade escolar (com as verbas angariadas já foi possível comprar uma máquina fotográfica e um disco externo para o Clube Fotografia). As ervas aromáticas são utilizadas na enfermaria, no bar dos alunos e dos professores para confeccionar chás. A escola tem projetos Erasmus, onde temos alunos e professores de outros países e estes têm sempre um workshop na bio-horta.
Temos dois ninhos que foram executados por um senhor de forma voluntária e que nos fez chegar à Escola para os colocarmos na bio-horta. Este gesto identifica o impacto que este espaço gera na comunidade. A curiosidade que é manifestada por pessoas externas à escola é uma constante. Os professores aparecem para colaborar na manutenção da bio-horta e trazem artefactos para embelezar este espaço. A parceria estabelecida com o AKI em 2018 e em 2019 proporcionou a construção de dois canteiros e uma ampliação da coelheira. As placas que identificam as plantas vêm acompanhadas de código QR. Temos 3 comedouros para pássaros, temos alguns "vasos" (latas de feijão) foram substituídos e pintados com desenhos alusivos aos 600 anos da Madeira e outros "vasos" foram decorados (garrafas de líxivia) com pinturas de máscaras. Este projeto foi desenvolvido por duas turmas na aula de EV o ano passado.
Ao lado da casinha da horta temos a zona das suculentas.
Temos também maracujazeiros. Este ano implementamos numa zona da horta um sistema de rega por capilaridade.

6. Como é organizada a manutenção da horta e a repartição de tarefas?

Alunos voluntários que a determinadas horas dirigem-se à bio-horta acompanhados pelos professores do projeto eco-escolas.
Funcionários que monitorizam o espaço. Apoio de alguns professores e encarregados de educação que se voluntariam.
Alunos da unidade especializada.

7. Como é feita a preparação do solo?

Com a compostagem que é feita na escola:
- com estilha;
- com as plantações que vamos fazendo conseguimos azotar a terra através da plantação de favas, ervilhas e tremoços.
- Com adubo natural (dos nossos coelhos e de cavalo)
-Com chorume (preparado com urtigas para azotar a terra)

8. É feita compostagem?

8.1. Se sim, como e com que materiais?

A compostagem é feita utilizando três compostores com a supervisão dos professores que estão encarregues da bio-horta. Existe também no mesmo espaço uma zona em que colocamos estilha (cedida pela Câmara Municipal do Funchal).
Utiliza-se relva, borra de café, folhas secas, cascas de ovos e de frutas. Usamos também os restos dos vegetais da cantina.
A zona da compostagem, está delimitada por um mural com paletes de forma a tornar esta zona mais estética.

9. Quais as culturas / consociações instaladas?

Culturas: Alface, cebola, alho francês, salsa, semilhas, batata doce, favas, tomate, pimentas, alecrim, aipo, funcho, hortelã pimenta, hortelã leite, hortelã chocolate, fisálias, morangos, pimentão, tremoços, beterraba, nabos, chícharo, ervilhas, feijão, cenoura, bróculos, couve de todos os dias, couve repolho, rúcula, milho, favas, maracujazeiros.

Consociações: Acelgas, alho francês e beterraba/nabo, beterraba e acelgas.

10. Apresentar um desenho/croqui da horta:

11. É feita recolha da água da chuva?

11.1. Como é feita a gestão da rega?

Os professores no eco-escola, os alunos voluntários e um funcionário envolvido no projeto regam em dias específicos.
Em tempo de férias é feita uma escala entre os professores envolvidos no projeto.

12. Monitorização de pragas e doenças:

12.1. É feita monitorização de pragas e doenças? Como e com que frequência?

Sim. Os professores do projeto verificam todas as semanas as plantas no espaço da bio-horta.

12.2. Houve ataques de pragas e/ou doenças?

12.3. Se sim, quais e como foram combatidas?

Caracol nas couves. Colocamos cinza na zona da raíz.
Lapa nas plantas aromáticas - Lavamos com sabão azul e água.

13. Existem animais de criação ligados à horta?

13.1. Se sim, que espécies?

2 Coelhos e 10 periquitos.

14. Assinale outras atividades que se realizam em torno da horta:

Feira na escola
Feira na comunidade
Confecção de sopas e outros pratos
Concursos
Aulas na horta
Outra

Outra, qual?

14.1. Das que assinalou, descreva até três que considera mais significativas, referindo para cada uma o número de vezes que se realizou durante o ano, número de pessoas envolvidas, tipo de participação dos alunos, impacto na comunidade e outros aspetos relevantes:

Atividade 1:

Descrição:

Feira na escola - Os alunos circulam pelos corredores da escola com cabazes dos produtos da bio-horta para quem estiver interessado ter acesso a estes. Depois dirigem-se à sala de professores onde deixam os produtos que não foram escoados para aí ficarem disponíveis aos professores e funcionários. Esta atividade faz-se sempre que existem produtos na bio-horta prontos para serem consumidos.

Fotografias:

Atividade 2:

Descrição:

Criação de um jardim com flores amigas das abelhas - "Paraíso das Abelhas"
Este jardim faz parte do trilho da ciência e visa sensibilizar a importância que as abelhas têm para o nosso ecossistema

Fotografias:

Atividade 3:

Descrição:

Aulas na horta - Os alunos muitas vezes deslocam-se a um espaço existente na bio-horta, que nós designamos por "parque de merendas HBG", e aqui,estes trabalham em grupo e podem percorrer a horta para, por exemplo, identificarem as transformações físicas e químicas. Este ano tivemos uma turma que deslocou-se a esta zona para comemorar o pão por Deus onde fizeram uma dramatização, e cantaram uma música alusiva à época. No final partilharam com os alunos que foram assistir iguarias correspondentes a esta comemoração.

Fotografias:

15. Outros aspetos de realce da horta:

São muitas as atividades que se realizam em torno da bio-horta, desde:
Confeção de geleia de abóbora.
Mercadinhos de venda de produtos da horta.
Confeção da sopa de chícharo no bar dos professores com o chícharo produzido na horta.
Plantação de ervas aromáticas em vasos para disponibilizar à comunidade escolar.
Realização de workshops para os alunos na bio-horta.
Visita de alunos do 1º Ciclo à bio-horta com plantação em vasos. (Os alunos levam a sua planta para casa).
Visita com direito a workshop dos alunos e professores ERASMUS que nos visitam.
Plantação de searas na altura do Natal para disponibilizar à comunidade. Alguns alunos fizeram a sua plantação de searas para levar para casa.
É uma zona conhecida por toda a comunidade pois encontra-se numa zona visível da estrada. Toda a panóplia de artefactos que tem sido introduzida na bio-horta é muito comentada pela comunidade escolar e não só.
Tem sido motivo de publicações e divulgações em diários, blogs da Direção Regional da Educação e programas de televisão. Tem ganho sucessivos prémios na Câmara Municipal do Funchal.
Este ano voltamos a ter parceria com a empresa Full Experience.
A zona da compostagem, que se encontra logo no início da área do Parque de Merendas e da bio-horta tem um mural com paletes onde está patente algumas tradições ligadas à Madeira. Temos ilustrações da boneca de massa, das casas de Santana, do maçaroco, do lobo marinho, do tentilhão, do bordado madeira, do brinquinho, das cores do tecido do bailinho e da braguinha.
Este ano continuaremos a apostar na plantação de flores na bio-horta, ficando esta com uma coloração muito primaveril. Temos apostado na diversidade das suculentas. Empenhamo-nos em fazer a consociação de plantas.
Este ano o projeto Eco-Escolas associou-se a outro projeto, IDiverSE, e criou um canteiro com flores amigas das abelhas que está inserido no trilho da ciência. Estiveram 4 turmas envolvidas, o que corresponde a um total de 100 alunos.
Note-se que este projeto continua a ser auto-sustentável.

15.1. Link para a página da horta:

www.ecohbg.wordpress.com